WhatsApp Image 2017 03 29 at 10.02.30Os Enfermeiros do Município de Aparecida de Goiânia estiveram reunidos, no dia 28 de março, em Assembleia Geral, para discutir sobre o cumprimento total do plano de cargos e salários. Depois seguiram para a porta da Prefeitura, onde o Sieg iria se reunir com o secretário de saúde, Luiz Edgar Tollini, para fazer um movimento em busca de respostas sobre seus direitos.

WhatsApp Image 2017 03 29 at 10.02.44

 

 

 

WhatsApp Image 2017 03 29 at 10.08.07

Em reunião com secretário de saúde do Município de Aparecida de Goiânia, Dr. Luiz Edgar Tollini, o Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Goiás, apresentou em pauta o prejuízo financeiro no qual os enfermeiros estão sujeitos, se comparados a outros Municípios do Estado, a falta de segurança das unidades de saúde, a retirada de benefícios, o descumprimento do plano de carreiras já aprovado pela gestão anterior, o déficit de recursos humanos, a sobrecarga dos enfermeiros com diversas atividades nas quais muitas delas não pertencem a eles. O secretário alegou não estar ciente da situação vivida pelos profissionais e o desconhecimento do plano de cargos e salários da saúde do município, mas afirmou que irá tomar conhecimento do plano e as condições de trabalho dos servidores do município. Ressaltou que teve outras demandas mais urgentes na saúde que teve que dar prioridade. Abordou que serão pagos os atrasados em forma de horas extras e afirmou que o Coordenador do Rh da Saúde, João Paulo, está fazendo o impacto do cumprimento do plano e que será enviado à secretaria da fazenda para avaliação.WhatsApp Image 2017 03 29 at 10.07.51

Quanto aos benefícios ele se comprometeu a estudar a possibilidade de retornar o fornecimento de alimentação para as unidades básicas de saúde e que de imediato iria retomar com a distribuição de alguns itens para o café da manhã. Em relação a segurança afirmou que a prioridade deve ser as unidades de maior porte, tais como Cais, UPA e Maternidade, mas que também ia buscar atender as UBS. Afirmou que o município está com déficit de profissionais e para suprir esse déficit a prefeitura irá fazer concurso e realizar contratação de pessoal. 

O Sieg continuará a cobrar da gestão o cumprimento de todos os direitos dos Enfermeiros do Município e não vamos aceitar nenhum direito a menos. #JuntosSomosFortes

 

@ Todos os direitos reservados - Sieg 2017